10/02/14
Itaú Acontece

Educação financeira para o Itaú Unibanco

As iniciativas que promovem a educação financeira entre nossos colaboradores, clientes, acionistas e sociedade

Algumas pessoas acham que educação financeira e banco não combinam. Mas para o Itaú, pessoas que fazem escolhas mais conscientes tendem a adquirir produtos e serviços financeiros adequados aos seus objetivos e momentos de vida. E, por esse motivo, tem um índice de satisfação maior, uma inadimplência menor e um relacionamento de longo prazo com o banco. E isso gera valor para as pessoas e para o banco.

Quem lida com o dinheiro de forma mais equilibrada consegue fazer mais e melhores escolhas, inclusive de produtos financeiros; gere melhor os recursos para conquistar seus objetivos, pessoais e profissionais; tem menor estresse financeiro e interage melhor com familiares e colegas. Por isso, queremos compartilhar o nosso conhecimento financeiro por meio de iniciativas que promovem a educação financeira entre nossos colaboradores, clientes, acionistas e sociedade, contribuindo com o desenvolvimento e transformação do tema em nosso país.

E esse trabalho começa dentro de casa, com os quase 100 mil colaboradores. Embora trabalhem em banco, os colaboradores do Itaú Unibanco lidam com as finanças no mesmo nível de acertos e dúvidas que o restante da sociedade. Pensando nisso, criamos um programa de educação para contribuir para que eles conquistem uma melhor gestão de suas finanças. Entendemos que através dessa experiência eles terão mais propriedade para abordar e compartilhar os aprendizados e conhecimentos com a família, com os nossos clientes e a sociedade.

Em 2013, o programa foi dividido em cinco principais frentes:

  1. Indicadores e pesquisas
  2. Implantamos um diagnóstico apurado para avaliar os níveis de conhecimento, saúde e bem-estar financeiros de nossos funcionários. Com essa análise conseguimos traçar estratégias e planos de ação mais efetivos. Confira, a seguir, as iniciativas desenvolvidas:

    - Avaliação sobre uso adequado do crédito: fizemos diversas análises comparativas sobre a utilização de crédito da nossa população interna e de nossos clientes. Esse levantamento nos permitiu identificar públicos sensíveis que deveriam ser abordados de forma prioritária.

    - Índice de bem-estar financeiro, desenvolvido em parceria com FGV (Fundação Getúlio Vargas): os colaboradores fizeram uma autoavaliação sobre a vida financeira. O estudo mostrou que há uma correlação significativa entre estresse financeiro e o numero de faltas e advertências no trabalho, por exemplo.

  3. Educação
  4. São adotados dois formatos para os treinamentos de educação financeira: cursos à distância, para atingir boa parte de nossa população, e cursos presenciais, voltados para o público que possui contato direto com cliente ou que tem pouca experiência no tema.

    - Cursos à distância: desde que foram lançados até dezembro de 2013 cerca de 40 mil colaboradores realizaram aos menos um dos nossos cursos online, representando aproximadamente 42% do público interno do Itaú, no Brasil e nas nossas unidades da América Latina (Latam), no Paraguai, Argentina, Uruguai e Chile.

    - Cursos presenciais: em 2013, os temas de educação financeira foram inseridos na formação presencial das áreas comerciais e dos públicos mais jovens, como estagiários, trainees, novos colaboradores, etc. Nas áreas comerciais foram formados 255 gerentes e consultores de previdência para multiplicarem o tema entre os clientes. E, para os demais públicos, 362 colaboradores foram formados.

    - Comunicação: anualmente promovemos uma campanha interna de comunicação com temas e dicas sobre como lidar melhor com o dinheiro. Para essa iniciativa contamos com um portal interno com vídeos, guias, artigos, jogos e entrevistas com colaboradores. Também publicamos diversas matérias na revista interna, com a participação de especialistas sobre o tema. Até dezembro de 2013, obtivemos 29 mil acessos únicos no portal; realizamos eventos com especialistas e lançamos 5 vídeos com dicas de especialistas, de dentro e de fora do banco, sobre previdência.

    Também levamos as iniciativas de comunicação do programa de educação financeira para as nossas unidades da América Latina: Paraguai, Argentina, Uruguai e Chile.

  5. Assessoria Financeira
  6. Lançamos em 2013 um canal que conta com uma equipe de profissionais especializados em planejamento financeiro para acompanhar e orientar os colaboradores sobre o tema, de forma individual, independente e confidencial.

  7. Melhoria nas politicas internas
  8. A dificuldade com a gestão das finanças impacta na saúde financeira e na carreira dos colaboradores. Com base nesse diagnóstico, reestruturamos algumas políticas internas, permitindo que a área de Recursos Humanos possa orientar os gestores e funcionários a lidarem melhor com essas situações. Além disso, a política de concessão de credito para novos colaboradores foi reformulada, considerando o diagnóstico levantado.

  9. Voluntariado
  10. Desenvolvemos um jogo voltado para o público jovem de ONGs e escolas públicas, com linguagem acessível, que simula a situação de uma família diante de escolhas financeiras que precisam ser feitas ao longo do mês. Criamos uma oficina para capacitar os colaboradores na aplicação do jogo para que eles possam atuar como voluntários e multiplicadores do tema. Capacitamos 302 colaboradores na oficina de voluntariado e 209 aplicaram o jogo em comunidades ou com suas famílias.

Resultados

Além dos diagnósticos já citados, foram feitas pesquisas para acompanhar o comportamento e níveis de adesão da população interna em relação à previdência e poupança, no período entre maio de 2010 e maio de 2012.

Os resultados obtidos foram positivos, como o crescimento de 37% no número de funcionários que possuem previdência, ou seja, melhor preparo para a aposentadoria, e aumento de 56% no número de colaboradores que têm poupança.

Além do trabalho com os colaboradores, o Itaú conta com diversas iniciativas para clientes e sociedade.

Iniciativas para clientes

Mais de 200 projetos de novos produtos ou melhorias avaliados em 2012

Uma abordagem clara e simplificada pode auxiliar o cliente numa escolha adequada à sua necessidade. Por isso, os contratos estão ainda mais simples e transparentes. Novas mensagens avisam quando o cliente vai entrar no cheque especial, por exemplo. As telas de navegação no bankline e nos caixas eletrônicos priorizam a facilidade. O crédito sob medida auxilia no planejamento de empréstimos já contratados e na renegociação de contratos. E a gestão ativa avisa de forma preventiva os clientes no momento em que dão indícios de utilização não adequada do crédito, oferecendo um produto de renegociação mais adequado às suas necessidades.

Programa Multiplicadores nos Postos de Atendimento Bancário (PABs)

Sabemos que a dificuldade em lidar com as finanças impacta não só a vida pessoal, mas também a vida profissional. Foi pensando nisso que desenvolvemos um programa de educação financeira para os colaboradores das empresas clientes, elaborado com base nos aprendizados do programa com os nossos colaboradores. A programação anual, oferecida sem custo, inclui materiais, vídeos e palestras disponibilizados aos gerentes multiplicadores do tema. Ao longo de 2012 e 2013, 100% dos Gerentes Gerais dos PABs foram capacitados. E, por meio de palestras, o programa já atingiu mais de 3.000 colaboradores das empresas clientes.

Órgãos de Defesa do Consumidor

Mantemos diálogo constante para promover a educação financeira e solucionar os problemas que podem levar a reclamações no Procon. Desde 2011 fazemos rodadas de diálogos com representantes dos órgãos de defesa do consumidor em diversos locais do Brasil. Entendemos que a redução das queixas é um indicador importante de satisfação dos clientes.

INICIATIVAS PARA SOCIEDADE

Novo portal

O objetivo do site é disseminar o conteúdo de educação financeira para o público, com dicas e orientações para o dia a dia. O portal conta com mais de 200 itens, entre simuladores, testes, artigos, tutoriais, vídeos e podcasts sobre temas e situações cotidianas como: dicas para sair do vermelho, como economizar sem abrir mão do consumo, como falar sobre dinheiro em família, a escolha do melhor crédito e o que fazer quando sobrar dinheiro no fim do mês. Os visitantes também podem enviar dúvidas que são respondidas por especialistas da instituição. Desde o lançamento, em agosto de 2012, o site teve mais de 2 milhões de acessos. Visite: www.itau.com.br/usoconsciente

Guias

Disponibilizamos, nas agências de todo o país, os guias do Uso consciente do dinheiro: “Consumir e Poupar”, “Use bem o seu dinheiro”, “O melhor crédito para você”, “Saia do Vermelho”, “Família e Dinheiro” e “Sobrou Dinheiro! E agora?”. Os guias têm como objetivo contribuir para que as pessoas tomem melhores decisões e aprendam como usar bem o dinheiro para alcançar seus objetivos. Os guias também podem ser acessados e baixados no site www.itau.com.br/usoconsciente

Para crianças

Em 2012, lançamos o livro infantil “A árvore dos Sonhos”, de Fabiano Onça. A obra mostra como as escolhas feitas pelo personagem Joãozinho influenciam na sua relação com o dinheiro. A versão digital também pode ser encontrada no portal. Também em 2012 publicamos o guia “Como falar de dinheiro com as crianças”, da especialista Cássia D´Aquino, incentivando pais e educadores a inserirem o assunto na família e na escola, desempenhando seu papel na formação de indivíduos autônomos e conscientes de suas escolhas.

Para universitários

Em 2011, criamos “Palavras de Sabedoria”, uma série com 16 vídeos com dicas de consultores para os jovens. Os temas abrangem da festa de formatura até formas de multiplicar o dinheiro. Lançamos também o novo portal Universitários Itaú, com conteúdo customizado e ferramentas interativas para controlar as finanças.

No mesmo ano, o projeto “Meu Guru da Grana” convidou os jovens a enviarem depoimentos em vídeo sobre suas histórias com dinheiro. Três deles foram selecionados e orientados pelo consultor Gustavo Cerbasi, em uma série de nove episódios publicados na página do Itaú Universitários no Facebook

Em 2012, o “Granabook” foi lançado, o primeiro guia virtual colaborativo de educação financeira para universitários. O conteúdo foi estruturado a partir de comentários enviados por 26 mil jovens na página do Itaú Universitários. Os temas abordados iam de “Como organizar dívidas” até “Como planejar investimentos”. Visite: www.granabook.com.br

Crédito

Em 2011, foi ao ar nossa primeira campanha de crédito consciente. Tutoriais na internet apresentavam os diferentes tipos de crédito e levavam o consumidor a refletir sobre a necessidade de utilizá-los.

Em 2012, a segunda campanha foi lançada e premiada na categoria de Serviços Financeiros no Effie Awards, que elege as melhores estratégias de marketing. Juntas, as campanhas somaram mais de 13 milhões de acessos.

A terceira edição, com tutoriais divertidos e inovadores, entrou no ar no YouTube em 2013. Visite: www.itau.com.br/creditoconsciente

Investimento

O canal Invista, lançado no Youtube em 2011, reúne tutoriais, simuladores e jogos educativos sobre investimentos e previdência. Até o final de 2013, o canal registrou mais de 10 milhões de visualizações.

A ideia é que as pessoas reflitam sobre a importância de ter uma reserva financeira para eventuais emergências e sobre como investir o dinheiro para a construção de um patrimônio e garantir um futuro mais tranquilo na aposentadoria para a toda a família. Desenvolvemos também a metodologia 1-3-6-9 que, de jeito simples e fácil, auxilia as pessoas a se planejarem para a aposentadoria.

Participamos da Expo Moneys, feira de educação financeira e investimentos. realizadas em 2013. Foram realizadas 14 palestras em auditório e 29 palestras no stand do Itaú sobre o tema do uso consciente do dinheiro. Aproximadamente 3.400 pessoas assistiram às palestras.

Academia

Passamos a apoiar, em 2013, o LABMEC, Estúdio de Finanças da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC RS), que tem os seguintes objetivos: capacitação de estudantes para prestação de aconselhamento financeiro à comunidade, visitas guiadas de escolas de 1ª e 2ª grau ao estúdio de finanças para participação de palestras e atividades de planejamento financeiro pessoal; e circuito de palestras e cursos para o público adulto.

Ensino Médio

O Itaú Unibanco, a Fundação Itaú Social e o Instituto Unibanco têm orgulho de apoiarem o projeto para o Ensino Médio da Estratégia Nacional de Educação Financeira (ENEF). O programa oferece aos jovens do ensino médio informações e orientações que contribuem na construção de um pensamento financeiro consistente e no desenvolvimento de comportamentos autônomos e saudáveis, permitindo que eles sejam os protagonistas de sua história, com plena capacidade para planejar o que desejam para si e para os grupos familiares e sociais a que pertencem.

Grupos de Estudos com fundamentação de Psicologia Econômica

Com a coordenação da especialista em Psicologia Econômica, Vera Rita de Mello Ferreira, em 2013, realizamos grupos de estudos com o objetivo de construir conteúdos e insights para melhor orientar as pessoas na escolha dos produtos e serviços financeiros que estejam adequados às suas necessidades e momento de vida.